Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

FN, Delegacia Geral e Sindpol decidem por ações que evitarão conflitos

Por Imprensa (quinta-feira, 25/10/2012)
Atualizado em 25 de outubro de 2012

Os diretores do Sindpol, o Delegado Geral, Paulo Cerqueira; o diretor do Departamento Metropolitano da Polícia Civil, Carlos Alberto Reis, e o coordenador da Força Nacional, capitão Edson Gondim, definiram ações que visam impedir conflitos entre profissionais de segurança pública.

O encontro aconteceu, na noite da quarta-feira (24), na Delegacia Geral de Polícia Civil em Jacarecica. O Delegado Geral atendeu a solicitação do Sindpol após a repercussão da prisão arbitrária efetuada por integrantes da Força Nacional contra um policial civil.

O coordenador da Força Nacional, capitão Edson Gondim, informou que afastou temporariamente três policiais acusados de abuso de autoridade, os quais haviam abordado o policial civil. Desses, um será desligado da FN. Ao todo, sete policiais, que participaram da prisão arbitrária, serão ouvidos.

O coordenador da FN informou que, em uma diligência, assim que os profissionais de segurança pública (policiais civis, militares, do Corpo de Bombeiros e Agentes Penitenciários) se identificarem, a abordagem será encerrada.

Na reunião, o presidente do Sindpol, Josimar Melo, pediu ao coordenador que acalmasse os ânimos dos policiais da FN.

Será aberto o inquérito policial para apurar o caso, que será presidido pelo delegado Leonardo Assunção, da Polícia Civil de Alagoas, designado em caráter especial.

Do Sindpol, participaram o presidente Josimar Melo, o vice-presidente, Edeilto Gomes, o diretor Jurídico, Charles Alcântara.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS