Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

"Governo não prioriza o combate do crime contra a vida", diz presidente do Sindpol

Por Imprensa (segunda-feira, 26/12/2011)
Atualizado em 26 de dezembro de 2011


Data: 26/09/2011


Para o Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol), a inauguração da Delegacia de Roubos da Capital, no bairro do Tabuleiro dos Martins, não irá combater a criminalidade em Alagoas apenas irá esconder a violência.
De acordo com o presidente do Sindpol, Josimar Melo, a política do governo é esconder as estatísticas da criminalidade por conta da localidade da Delegacia de Roubos bem como da Central de Polícia, a maioria da população não terá acesso aos locais.


A medida também vai de encontro à orientação da Secretaria Nacional de Segurança Pública que visa a descentralização das polícias.
O presidente do Sindpol defende que todos os distritos policiais funcionem 24 horas com a realização de todos os serviços, inclusive o combate aos roubos. “Na prática, isso significará a abertura das delegacias para a população”, afirmou.


De acordo com o sindicalista, o governo não está preocupado com os crimes de homicídios que vêm aumentando cada vez mais. “No ano passado, foram assassinadas 2.226 pessoas, o que significa uma taxa de homicídios de 71,3 para cada 100 mil habitantes, a maior taxa do país. As políticas têm sido para reduzir os crimes contra o patrimônio a exemplo dos assaltos a banco. O governo não prioriza o combate do crime contra a vida”.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS