Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

IML de Maceió registra 58 corpos durante o período carnavalesco

Por Imprensa (sexta-feira, 24/02/2012)
Atualizado em 24 de fevereiro de 2012

Homem é baleado e morto em seu veículo enquanto falava ao telefone no JacintinhoCinquenta e oito corpos deram entrada no Instituto Médico Legal Estácio de Lima durante o período Carnavalesco, de sábado, 18, a quarta-feira, 22. Do total, 34 foram vítimas de crimes de homicídio registrados em Maceió, União dos Palmares, Murici, Coruripe, Boca da Mata, Jequiá da Praia, São Miguel dos Campos, Marechal Deodoro, Atalaia, Rio Largo, Capela e São Luiz do Quitunde.

Vinte e seis pessoas foram mortas por arma de fogo, seis por arma branca e mais dois homens foram vítimas de espancamento, segundo dados do IML. Foram registrados ainda quatro casos de afogamento, oito vítimas de acidentes de trânsito, três mortes súbitas, três vítimas de quedas e mais quatro mortes a esclarecer. Há também um caso de suicídio por ingestão de veneno e uma morte por queimadura – a terceira vítima de uma explosão em Matriz do Camaragibe.

No sábado de Zé Pereira, 18, Daniel José da Silva, 22 anos, foi morto a tiros na cidade de União dos Palmares. Em Maceió, Anderson Vieira da Silva, 19, foi morto a tiros no Denisson Menezes; Carlos Waldomiro da Silva, 49, estava internado no Hospital Geral do Estado (HGE) e faleceu vítima de arma de fogo, no Conjunto Virgem dos Pobres; um homem ainda não identificado também deu entrada no IML. Ele estava internado no HGE depois de ser atingido com vários tiros.

No dia 19, domingo: José Nunes da Silva, 49, foi morto a tiros em Murici; Jamerson dos Santos, 6 anos, foi assassinado a tiros na cidade de Coruripe; Hormínio Gomes da Silva foi morto por espancamento em Jequiá da Praia; Fábio Domingos dos Santos, 29, foi morto a tiros em São Miguel dos Campos; Manoel Alves da Silva Júnior, 17, foi assassinado a facadas na Massagueira, em Marechal Deodoro; em Boca da Mata, Manoel Messias Barbosa Ferreira, 18, foi esfaqueado e morto e via pública; Kleberson da Silva, 16, foi executado a tiros na cidade de Rio Largo; Jardelson José da Silva, 18, faleceu no HGE após ser baleado no bairro de Antares, em Maceió; e em Atalaia, um homem até o momento não identificado foi morto com golpes de arma branca.

O IML registrou na segunda-feira, dia 20, a entrada das vítimas de arma de fogo: Peterson Teixeira de Andrade, 27, morto no Feitosa; José Jamerson Bezerra da Silva, 19, vítima em União dos Palmares; José Cícero Pereira da Conceição Trindade, morto em Rio Largo; uma mulher não identificada encontrada morta a tiros na Fazenda Cajazeiras, zona rural de Capela; Gabriela de Melo Falcão Tavares, 10, vítima de bala perdida no bairro do Jacintinho; e Paulo Rodolfo dos Santos, 19, que morreu no HGE após ser baleado no Vergel do Lago. O jovem David Xavier Ferreira, 24, foi morto por espancamento. Ele chegou a ser encaminhado para o HGE, mas não resistiu aos ferimentos.

Na terça-feira, dia 21, as vítimas foram identificadas como: Wellington Alves, 28, morto a tiros no bairro do Jacintinho; Sérgio da Silva, 24, faleceu no HGE depois de ser atingido por tiros no bairro do Bom Parto; Em Murici, três pessoas foram mortas por arma de fogo, Caique da Silva, 17, José Jeferson Ferreira, tiros, 18, e Bruno Macena da Silva, 20; Em União, o mototaxista Ronaldo Vieira de Oliveira, 43, foi executado a tiros; alé de Juan de Almeida da Silva, 18, também morto na madrugada de terça a tiros; Paulo Roberto do Nascimento, 18, foi assassinado a tiros em Boca da Mata; Em Rio Largo, Marcos Francisco Martins Silva, 27, foi esfaqueado e faleceu no HGE; e também em Rio Largo, o corpo de um homem em adiantado estado de decomposição foi encontrado despido na Fazenda Santa Maria.

E na quarta-feira, dia 22, quando a Polícia Militar de Alagoas contabiliza o último dia de festejos carnavalescos, Mariano Guedes do Nascimento, 27, foi morto a tiros na madrugada em Rio Largo; Ronaldo José Alves foi morto a facadas, também na madrugada, em São Luiz do Quitunde; Elias da Silva, 17, morreu no HGE após ser vítima de facadas na cidade de Murici; Diego Martins da Silva, 18, foi morto a tiros em Murici; e Elenilton Pereira da Silva morreu vítima de disparos de arma de fogo na cidade de Joaquim Gomes.

Flávia Duarte  – Alagoas24horas

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS