Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Justiça designa juízes para inspecionar delegacias e presídios

Por Imprensa (sexta-feira, 11/01/2013)
Atualizado em 11 de janeiro de 2013

Determinação é da corregedoria do Tribunal

O corregedor-geral do Tribunal de Justiça de Alagoas, Alcides Gusmão da Silva, decidiu criar uma comissão composta por magistrados com objetivo de inspecionar todas as delegacias da cidade de Maceió.

O sistema prisional que há anos é alvo de reclamação de servidores, familiares e reeducandos também será alvo da fiscalização do grupo.   De acordo com o presidente do Sindicato dos policiais civis, de Alagoas (Sindpol), Josimar Melo, a realidade das delegacias não será transformada apenas com inspeções realizadas anualmente. “Enquanto não houver vontade política do Chefe do Executivo, nossos policiais continuarão expostos a essa situação humilhante. Isso acontece há muito tempo e nada é feito”, disse.   A situação das delegacias policiais no interior do estado também foi alvo de críticas. Segundo Melo, com as interdições determinadas pela Justiça as delegacias regionais são as que apresentam as piores condições.

“Em 2012, apresentamos à imprensa o raio-x de todas as regionais. Chegamos em 2013 e a situação é a mesma e em alguns casos chegar a ser pior. As delegacias foram interditadas e os presos estão algemados a portas, carros e pneus. Um verdadeiro absurdo”, ponderou.  Os magistrados Antônio Emanuel Dória Ferreira, Antônio José Bittencourt de Araújo e José Braga Neto foram designados para compor a comissão. A portaria, que foi publicada no Diário Oficial da Justiça Eletrônica na sexta-feira (11), não explica o que levou o desembargador a criar a comissão.

Apesar de não ter sido comunicado oficialmente, o juiz José Braga Neto, que responde pela Vara de Execuções Penais, acredita que não haverá dificuldade no trabalho do grupo, já que a realidade das delegacias e do sistema prisional é de conhecimento público há muito tempo.

Cadaminuto – por Jonathas Maresia

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS