Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Policiais civis decidem recusar o recebimento de presos

Por Imprensa (sexta-feira, 22/11/2013)
Atualizado em 22 de novembro de 2013

O Sindpol se reuniu com os policiais civis do 1º Distrito Policial, do 3º Distrito Policial, do 22º Distrito Policial, da Decotap e da Delegacia de Acidentes, que decidiram recusar o recebimento de presos.

O encontro aconteceu, na manhã desta sexta-feira (22), no prédio da antiga Central de Polícia. Os policiais civis demonstraram revolta com a portaria DGPC/GD nº 3436-2013 da Delegacia Geral determinando aos policiais plantonistas a responsabilidade com a custódia de presos.

O presidente do Sindpol, Josimar Melo, esclareceu que a portaria é ilegal e inconstitucional. Ele informou que se reuniu com o Delegado Geral, Paulo Cerqueira, na quinta-feira (21), e solicitou a revogação da portaria. Uma nova reunião com o chefe da Polícia Civil está agendada para segunda-feira (25).

O sindicalista destacou que a categoria não precisava se preocupar com a portaria, pois nenhum documento determinava que o policial trabalhasse como carcereiro. Ele destacou que o policial civil tem que ser valorizado, lembrando que é a categoria é nível superior. “A função do policial civil está definida na Constituição Federal”, destacou.

Josimar Melo também ressaltou que o sindicato dá segurança jurídica e política, mas que precisava da colaboração dos policiais para impedir o retorno dos presos nas delegacias.
Na reunião, ficou definido que os policiais civis não receberão presos. Caso chegassem, a categoria deverá chamar imediatamente o Sindpol e a imprensa.

O Sindpol também já colocou cadeados e cartazes “interditado” nas grades para impedir a entrada de presos.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS