Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Sindpol cobra negociação das reivindicações à Seplag

Por Imprensa (terça-feira, 7/04/2015)
Atualizado em 7 de abril de 2015

IMG-20150406-WA0005 IMG-20150406-WA0006

Os dirigentes do Sindpol se reuniram com a Secretária Adjunta da Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag) e o Assessor de Relações Sindicais, Thiago Simões, para tratar dos assuntos pertinentes aos policiais civis.

A reunião ocorreu, no dia 1º de abril, na Seplag. Na ocasião, o presidente do Sindpol, Josimar Melo, solicitou a audiência com o Secretário de Estado do Planejamento e Gestão, Christian Teixeira, e a Mesa de Negociação para tratar da pauta de reivindicações dos policiais civis que contém 19 itens, em destaque, o piso salarial de 60% da remuneração dos delegados.

Novos membros da comissão

O Sindpol também voltou a cobrar a substituição dos nomes da Comissão Especial responsável pela análise dos cursos apresentados pelos policiais civis para progressão do Plano de Cargos, Carreiras e Subsídios (PCCS).

Substituição de cursos

Na reunião, o Sindpol fez intervenção para que a Seplag aceitasse novos cursos para substituição do curso de formação da Academia de Polícia dos 13 primeiros policiais civis que progrediram, mas que correm o risco de serem retirados da folha de pagamento do mês de março. A Procuradoria Geral do Estado, sob orientação da Academia de Polícia, não está aceitando o curso de formação, embora que o Sindpol já esclareceu que o Estatuto da Polícia Civil do Estado de Alagoas, Lei n° 3.437 de 25 de junho de 1975, não exige o curso de formação para nomeação. A Seplag dará um prazo aos 13 primeiros policiais civis, que progrediram, para que eles adicionem novos cursos, para não serem prejudicados.

Ordem cronológica

O Sindpol também enfatizou novamente a solicitação de que seja garantida a ordem cronológica dos processos, contemplando sempre os primeiros policiais civis que deram entrada na progressão funcional no Protocolo da Polícia Civil.

Ato público

O presidente do Sindpol, Josimar Melo, solicitou a realização da audiência com o secretário antes da realização do ato público com café da manhã dos policiais civis, na Seplag, no dia 17 de abril, a partir das 8 horas. A manifestação visa a cobrar a negociação da pauta de reivindicações e a implantação das progressões.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS