Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Sindpol cobra políticas de combate às drogas em Marcha

Por Imprensa (quarta-feira, 19/09/2012)
Atualizado em 19 de setembro de 2012

Estudantes, entidades, sindicatos, movimentos sociais e grupos culturais realizaram a 3ª Marcha da Juventude contra as drogas e entregaram a pauta de reivindicações da juventude ao Governo do Estado.

A concentração ocorreu, na Praça Deodoro, em Maceió – AL. No local, os estudantes realizaram ato público, atividades artísticas e saíram em Marcha até o Palácio do Governo.

O presidente do Sindpol, Josimar Melo, apoiou a realização da Marcha contra as Drogas e destacou que não adianta ser favorável à legalização da maconha. “A juventude está presente para pedir ao governador e ao prefeito de Maceió o combate às drogas e políticas públicas voltadas à promoção de cultura, de arte, de lazer, de educação, de esporte, de geração de emprego”, disse.

Para a assistente social da Escola Municipal Denisson Meneses, Betânia Fernandes, a Marcha faz com que os estudantes debatam alternativas contra a violência. “É preciso dar um basta a esse genocídio. Dá um grito pela vida, por acesso às políticas públicas. Não suportamos mais essa violência”, informou.

Os estudantes entregaram panfletos que denunciavam o aumento da violência com assassinato de mais de 12 mil pessoas nos últimos cincos anos. “Alagoas está no topo dos piores índices sociais: 1º lugar em analfabetismo e trabalho infantil; menor índice de Desenvolvimento Juvenil (IDJ); último lugar em esgotamento sanitário; menor oferta de emprego; estado que mais concentra terra nas mãos de poucas famílias… Diante dessa situação de miséria e de pobreza extrema, o mercado da droga se instalou em Alagoas e se fortaleceu às custas de sangue e mortes dos filhos da classe trabalhadora”, revela parte do documento.

Participaram da Marcha o DCE-Uneal, a CUT, Umese, Sindpol, Juventude Revolução, UJR, Fetag, CPT, MLST, MTL, MH2P, Grupos de Rap (Nova Nação, Durval Mc, Jov Mc, Davi 2P), Escola Municipal Denisson Meneses, entre outros.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS