Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Sindpol participa do Congresso que comemora 30 anos da Cobrapol e trata da organização sindical nacional

Por Imprensa (segunda-feira, 22/11/2021)
Atualizado em 22 de novembro de 2021

Dirigentes do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) participaram do 20º Congresso Nacional Extraordinário da Cobrapol, realizado nos dias 18, 19 e 20 de novembro, na sede do Sinpol-MS, em Campo Grande (MS). O evento também celebrou o aniversário de 30 anos da entidade.

O presidente do Sindpol, Ricardo Nazário, revela que é um orgulho sair de Alagoas e representar os policiais civis alagoanos em um Congresso Nacional, pautando melhoria e valorização à categoria para ter o devido respeito, bem como levar experiências dos policiais civis alagoanos, visando melhorar a situação do país como um todo. “É uma luta constante a valorização, a dignidade dos policiais civis e a melhoria das famílias dos policiais civis”, disse.

“A comemoração dos 30 anos da Cobrapol fortalece os policiais civis no Brasil porque toda a organização sindical, nos seus estados, nas federações regionais e na confederação representa a categoria no Brasil todo. Hoje, os policiais civis podem dizer que estrutura sindical está organizada. É o reconhecimento da Confederação no meio institucional nesses 30 anos”, apontou Ricardo Nazário.

Para Edeilto Gomes, presidente da FEIPOL-NE e diretor de Comunicação do Sindpol, esse evento veio sacramentar a organização sindical dos Policiais Civis no sistema federativo do Brasil. “Em agosto passado, comemoramos os 30 anos da FEIPOL CON, e agora da Cobrapol, com a participação de todas as Federações representantes da região Norte a Sul, fato inédito”.

Na pauta das deliberações do Congresso, destacam-se a prestação de contas, a estruturação das federações em cada estado, que compõem a Cobrapol, a mobilização pela Lei Orgânica Nacional da Polícia Civil, a luta contra a PEC 32, da reforma administrativa, mudanças estatutárias e a participação da Cobrapol nos processos políticos. O presidente da Cobrapol, André Luiz Gutierrez, informou que comprou a sede própria da Confederação.

Ainda no Congresso, Gutierrez destacou a relevância da Cobrapol que é convidada a participar de discussão nas Comissões da Câmara dos Deputados e do Senado, a exemplo na Comissão de Direitos Humanos e na Comissão de reforma do Código Penal, que atinge diretamente os policiais. A Cobrapol também conseguiu que a Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados se declarasse contra a PEC, bem como a bancada da segurança pública. Gutierrez informou que o Jurídico da Cobrapol já revisou a proposta de Lei Orgânica, a qual se encontra com a Adepol Nacional.

No Congresso, foram colocadas as problemáticas de cada estado e metas pelas organizações dos policiais civis focando a melhoria da categoria. “Isso firma o reconhecimento da entidade representativa nacionalmente dos policiais civis. Eles podem dizer que estão firmando a organização sindical, reconhecida e respeitada institucionalmente perante os poderes”.

O Congresso Nacional contou com a presença de lideranças dos policiais civis de todo país, federações, como a Feipol-NE e sindicatos, como o Sindpol-AL.

Do Sindpol-AL, participaram do Congresso os dirigentes Ricardo Nazário, Bartolomeu Rodrigues, Edeilto Gomes e Adriano Gama.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS