Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Sindpol pede apuração de suposta irregularidade no Vale do Reginaldo

Por Imprensa (quinta-feira, 23/08/2012)
Atualizado em 23 de agosto de 2012

O Sindpol solicitou apuração ao Ministério Público estadual e ao Ministério Público Federal sobre possível superfaturamento nas obras do Vale do Reginaldo.

A entidade sindical informou as notícias publicadas no Extra Alagoas e no Blog do Célio Gomes referente ao relatório  do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que aponta superfaturamento de mais de 1,5 milhão de reais e dano ao erário no projeto de reurbanização do Vale do Reginaldo coordenado pelo governo do Estado.

As obras, iniciadas em 2007, estão paradas há mais de dois anos. De acordo com as informações, a construção das moradias custaram R$ 120 milhões, com maioria dos recursos federais. O Estado ficou responsável pela construção de 1.512 unidades habitacionais, orçado em 60 milhões com a contrapartida local de 9 milhões.

Segundo os jornais, o relatório do TCU mostra que houve sobrepreço – superfaturamento- de R$ 1.602.515,82 na construção de 12 conjuntos habitacionais no Vale do Reginaldo.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS