Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Vitória: Assembleia Legislativa aprova o PCCS dos policiais civis

Por Imprensa (quarta-feira, 2/04/2014)
Atualizado em 2 de abril de 2014

A mobilização dos policiais civis foi fundamental para que os deputados estaduais aprovassem em regime de urgência o Plano de Cargos, Carreiras e Subsídios (PCCS) da categoria, na tarde desta quarta-feira (02).

Com o plenário lotado, os deputados reconheceram a importância dos policiais civis para o combater da violência e reduzir a impunidade.

A cada aprovação na Casa Tavares Bastos, a alegria e o contentamento dos policiais civis foram manifestados por palmas e sorrisos pela vitória de um plano que dá o início a valorização do policial. A vitória de hoje é o início da concretização de um sonho de uma categoria que luta há  mais de três anos. O presidente do Sindpol, Josimar Melo, disse que o PCCS é uma vitória sim da categoria. “Não foi o Plano de Carreira que criamos, mas é o que conquistamos. E agora o nosso objetivo é fazer cumprir a lei. O PCCS entra em vigor a partir da sanção governamental”, defendeu.

O presidente também destacou que foi importante a presença de todos os policiais civis nos atos de mobilização, na sessão do Legislativo. “A unidade dos policiais civis foi fundamental por essa vitória e todas as outras que a categoria obteve”, lembrou.

Ainda no plenário, o deputado Judson Cabral, autor do pedido de urgência, destacou que o Legislativo estava fazendo o reconhecimento de um direito da categoria. Ele parabenizou os policiais civis pela conquista. “Com certeza, estamos fazendo justiça”, disse.

O deputado Jeferson Morais criticou o distanciamento entre o salário dos policiais civis e dos delegados, bem como a falta de estrutura para trabalho, como descaso do Governo do Estado. “Esse descaso resulta em violência”.

Cartão alimentação

O presidente do Sindpol, Josimar Melo, informou que o texto do decreto da alimentação se encontra no Gabinete Civil. O sindicalista também disse que entrou em contato com o secretário de Defesa Social, Eduardo Tavares, para dar celeridade a publicação do decreto. O sindicato cobra do Governo do Estado o cartão alimentação.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS