Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Aumento da defasagem salarial preocupa Sindpol que luta pela valorização dos PCs
Inflação cresceu em 2020 reduzindo o poder de compra do salário, defasado, dos policiais civis

Por Imprensa (quarta-feira, 27/01/2021)
Atualizado em 27 de janeiro de 2021

A defasagem salarial preocupa a diretoria do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol), que assistiu com apreensão a redução do poder de compras dos policiais civis. A inflação registrou alta de 4,52% em 2020, de acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O percentual reflete o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que é o índice usado pelo governador Renan Filho para a revisão geral dos servidores públicos. O governador de Alagoas não concedeu o aumento nos 2016, 2019, 2020. E, nos anos de 2015, 2017 e 2018, aplicou índices menores aos servidores. Com isso, os servidores acumulam defasagem salarial em mais de 20%.

Em 2020, o preço do conjunto de alimentos subiu 24,67% na cesta básica. Dispararam o preço do óleo de soja com 103,79%, arroz com 76,01%, frutas (25,40%), carnes (17,97%), batata-inglesa (67,27%) e tomate (52,76%), conforme dados divulgados pelo IBGE, e a categoria continua a acumular baixa no poder de compra. E para piorar, o governo do Estado aumentou a contribuição previdenciária, de 11% para 14%, o que reduziu mais os salários dos servidores públicos, principalmente, dos aposentados e pensionistas.

O Sindpol realizará assembleia geral, nesta sexta-feira (29), no Clube de Engenharia, a partir das 13 horas. A pauta da assembleia geral trata da avaliação da mobilização e do indicativo de paralisação.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2021 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS